Comunicação Intercultural

Quinta, 4 de Outubro de 2018

 

Coordenação:

Isabel Macedo (Universidade do Minho)

email: isabel.macedo@ics.uminho.pt

Rosa Cabecinhas (Universidade do Minho)

email: cabecinhas@ics.uminho.pt

 

Breve descrição do GT:


A comunicação intercultural compreende objetos de estudo complexos, que podem assumir múltiplas configurações. A interculturalidade passa não só pelo acolhimento do “Outro”, mas também pela transformação mútua a partir do encontro e da partilha cultural. O respeito pela diversidade cultural e o conhecimento sobre o passado e o presente das relações entre os povos são essenciais a um ‘encontro’ promotor da interculturalidade.

Cruzar olhares em torno dos modos de comunicar num mundo diversificado do ponto de vista cultural, mas também económico, social e político, é o que levou um conjunto de sócios da Sopcom a avançar com a criação do Grupo de Trabalho de Comunicação Intercultural. Trata-se de uma iniciativa que procura reunir quem, a partir de uma perspetiva transdisciplinar, vem contribuindo para o desenvolvimento desta área de estudo em Portugal. Pretende-se, deste modo, construir uma rede de investigadores neste campo científico, potenciando o desenvolvimento de projetos e de ações de intervenção, em parceria.

Com a constituição deste GT procura-se agrupar os membros da Sopcom com investigação no campo da comunicação intercultural, fomentando e dinamizando um debate em torno de problemáticas teóricas e metodológicas inerentes a esta área científica.

Este Grupo de Trabalho tem por missão promover a investigação e a divulgação dos estudos realizados no campo da comunicação intercultural, de modo a consolidar e tornar expressiva a produção científica portuguesa neste domínio do conhecimento, quer nacional, quer internacionalmente.

O GT tem como objetivos:

Criar e consolidar uma comunidade de investigadores no campo da comunicação intercultural, e dinamizar o diálogo e o debate neste domínio científico;

- Promover e divulgar projetos, eventos científicos e publicações resultantes de investigações no campo da comunicação intercultural de âmbito nacional e internacional;

- Estabelecer uma rede de cooperação com grupos de investigadores internacionais; 

- Promover o debate e a interação por meio de publicações científicas em parceria;

- Favorecer atividades de formação na área de conhecimento da comunicação intercultural.

 

Aderir ao GT:


Convida-se, ainda, os investigadores desta área de estudos a participar desta rede de trabalho, enviando uma mensagem com a sua identificação, contacto, filiação institucional e breve nota biográfica para: gtcomunicacaointercultural@gmail.com.

 

Mais informações aqui.

 

I Encontro


Os Encontros do GT de Comunicação Intercultural são uma iniciativa do Grupo de Trabalho de Comunicação Intercultural da Associação Portuguesa da Ciências da Comunicação e serão realizados pela primeira vez em 2018. Convida-se, assim, todos os interessados na área da comunicação intercultural a submeterem proposta de comunicação  até ao dia 9 de julho, para gtcomunicacaointercultural@gmail.com.


Comunicar a diversidade

I Encontro do Grupo de Trabalho de Comunicação Intercultural da Sopcom

4 de outubro de 2018 | Mosteiro de S. Martinho de Tibães | Braga

 

Chamada de Comunicações

A promoção da diversidade nos meios de comunicação e nas instituições culturais constitui um desafio nas sociedades contemporâneas, exigindo uma reflexão crítica sobre as atuais políticas para a interculturalidade.

O I Encontro do Grupo de Trabalho de Comunicação Intercultural da SOPCOM pretende reunir investigadores, professores, profissionais dos média e das artes que, de diferentes perspetivas, procuram estudar os modos de comunicar a diversidade cultural.

O GT aceita propostas de comunicação que explorem a forma como os meios de comunicação e as instituições culturais representam, interpretam, desconstroem olhares em torno das relações interculturais. Estudos que analisem o papel dos média na reflexão e aprofundamento do conhecimento sobre o “Outro” são bem-vindos.

Para além de outros temas na área mais abrangente da comunicação intercultural, o Grupo de Trabalho aceita propostas de comunicação nos seguintes tópicos de análise:

  • Políticas de diversidade cultural
  • Memórias, diversidade e inclusão social
  • Migrações, diversidade e educação
  • Indústrias culturais e diversidade
  • Comunicação intergeracional
  • Interseccionalidades, comunicação e estudos de género
  • Identidade, alteridade, média e património cultural

 

Datas importantes

Data-limite de submissão de resumos: NOTA DATA 20 de julho de 2018
Notificação das decisões de aceitação: 31 de julho de 2018

 

Instruções para a submissão de propostas de comunicação

Para participar neste encontro envie um resumo de até 300 palavras sobre a investigação ou intervenção que se encontra a desenvolver e uma breve biografia de cerca de 150 palavras para a comissão organizadora: gtcomunicacaointercultural@gmail.com.


Outras informações:

A direção do Mosteiro irá proporcionar aos participantes uma visita guiada aos espaços, participando também do programa científico do evento. 


Comissão Organizadora

Carla Cerqueira (CECS/UM)
Isabel Macedo (CECS/UM)
Maria de Lurdes Rufino (Mosteiro de São Martinho de Tibães)
Rosa Cabecinhas (CECS/UM)
Vítor de Sousa(CECS/UM)

(membros da CO ordenados alfabeticamente)

 

Inscrições

Taxa de Inscrição Sócios SOPCOM: 20 euros

Taxa de Inscrição Não Sócios: 30 euros

O pagamento da inscrição deve ser efetuado até ao dia 15 de setembro de 2018.

Dados para a transferência bancária:

NIB: 000700240027394000429 
IBAN: PT50 0007 0024 0027 3940 0042 9
Código SWIFT: BESCPTPL

Até à mesma data,  devem ser enviados para o endereço eletrónico gtcomunicacaointercultural@gmail.com os seguintes dados, para efeitos de recibo: nome; morada, NIF e comprovativo da transferência.

 

Apoios

transferir

 

 

 

 

logo CECS_final-01 (1)


Membros

  • Isabel Moreira Macedo [Responsável]
  • Maria Rosa Soares Pedrosa Cabecinhas [Co-Responsável]
  • João Carlos Ferreira Correia 
  • Moisés Adão de Lemos Martins 
  • Maria Rosa Soares Pedrosa Cabecinhas 
  • Maria de Lurdes de Sousa Macedo 
  • Albertino José Ribeiro Gonçalves 
  • Carla Preciosa Braga Cerqueira 
  • Vítor Manuel Fernandes Oliveira Sousa 
  • Pedro Marques Gomes 
  • Ana Carmen Palhares Ferreira 
  • António Alberto Castro Baía Reis 
  • Hermes de Andrade Júnior
  • Ana Cristina Ribeiro Pereira 
  • Catia Melissa Silveira Rodrigues

Contactos


E-mail: gtcomunicacaointercultural@gmail.com
Site: https://gtcomunicacaointercultural.wordpress.com

Encontro de comunicação intercultural & cultura visual Sopcom




IMAGENS E NARRATIVAS (PÓS)-COLONIAIS

22 e 23 de maio, 2020

Museu de Santa Joana, Aveiro



The Embassy, 2011. Video still. © Filipa César. Cortesia de Cristina Guerra Galeria de Arte, Lisboa.

 

Ao longo das últimas décadas, o cinema, a publicidade, a fotografia, a literatura, as notícias, os manuais escolares, entre outros meios, têm moldado as nossas perceções sobre “nós” e os “outros”, contribuindo frequentemente para o reforço de estereótipos e preconceitos entre os mais diversos grupos humanos, mas também para o questionamento de tais estereótipos e a construção de novos cânones.

As narrativas pós-coloniais questionam o sujeito, a linguagem, a análise literária e cultural, (re)conceptualizando-as. Encontram-se comprometidas com a crítica, a exposição, a desconstrução, a contra-hegemonia, e a transcendência das presenças e dos “legados” coloniais.

Os Grupos de Trabalho de Comunicação Intercultural e de Cultura Visual da SOPCOM convidam à apresentação de propostas de comunicação que procurem precisamente o debate crítico e contra-hegemónico, desconstruindo imagens e narrativas (pós)coloniais. Este é um momento de encontro e debate de natureza multi e interdisciplinar, pelo que a apresentação de propostas está aberta a investigadores provenientes de diferentes áreas do conhecimento e das artes, que trabalhem sobre as temáticas em questão.

 

Oradores convidados

 

Diana Andringa (sujeita a confirmação) - nasceu em 1947, no Dundo, Lunda-Norte, Angola, vindo para Portugal em 1958. Em 1964 ingressou na Faculdade de Medicina de Lisboa, que abandonou para se dedicar ao jornalismo. Em 1968, frequentou o 1º Curso de Jornalismo criado pelo Sindicato dos Jornalistas e entrou para a Vida Mundial, de onde saiu no âmbito de uma demissão coletiva. Desempregada, foi copywriter de publicidade, trabalho que a prisão pela PIDE, em janeiro de 1970, interrompeu. Condenada a 20 meses de prisão por apoio à causa da independência de Angola, voltou ao jornalismo. De 1978 a 2001 foi jornalista na RTP. Foi também cronista no Diário de Notícias, na RDP e no Público e fugaz diretora-adjunta do Diário de Lisboa. Atualmente documentarista independente – Timor-Leste, O sonho do Crocodilo; Guiné-Bissau: As duas Faces da Guerra; Dundo, Memória colonial, Tarrafal: Memórias do Campo da Morte Lenta – regressou à Universidade, doutorando-se em Sociologia da Comunicação pelo ISCTE em 2013. Estreou recentemente o seu documentário Guiné-Bissau: Da Memória ao Futuro (2019).

                           

Nuno Coelho - é um designer de comunicação português que vive no Porto, é professor do curso de Design e Multimídia na Universidade de Coimbra (UC) e pesquisador no Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX (CEIS20). Doutorado em Arte Contemporânea pela Universidade de Coimbra, desenvolveu projetos no cruzamento entre design e arte, levantando questões sociais e políticas. Curador e organizador de exposições coletivas e conferências públicas, tem três livros publicados e tem trabalhado tópicos relacionados com a identidade e memória coletivas, explorando as imagens visuais e os arquivos de marcas históricas portuguesas e instituições. Tem ainda como principal interesse de investigação a cultura material, a semiótica visual e a representação. Exibiu o seu trabalho, deu palestras, participou de conferências e / ou realizou workshops na Austrália, Áustria, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Etiópia, França, Alemanha, Grécia, Irão, Itália, Lituânia, México, Palestina, Portugal, Sérvia, Espanha, Suécia e Reino Unido. www.nunocoelho.net

 

Submissões de propostas:

Os resumos deverão explicar de forma clara o contexto da pesquisa e/ou intervenção a apresentar na conferência. Devem indicar os processos, objetivos, pressupostos conceptuais e metodologia, bem como os resultados expectáveis ou alcançados. Os resumos devem conter no máximo 300 palavras e 5 palavras-chave. Devem, também, ser acompanhadas por uma curta biografia do(s) autor(es) (max. 150 palavras), que deve incluir a sua afiliação e informações de contacto. As submissões devem ser enviadas para um dos seguintes endereços eletrónicos: grupotrabalhoculturavisual@gmail.com | gtcomunicacaointercultural@gmail.com

 

 

Datas importantes:

Submissões: até 28 de fevereiro de 2020

Comunicação dos resultados: 20 de março de 2020

Inscrições: até 10 de maio de 2020

 

Taxa de Inscrição: 30€   

Taxa de Inscrição para estudantes ou para sócios da SOPCOM: 20€

 

Comissão Organizadora

Ana Cristina Pereira (CECS – UM)

Carla Cerqueira (CECS – UM)

Isabel Macedo (CECS – UM)

Maria da Luz Correia (Universidade dos Açores)

Ricardo Campos (CICSNova, Nova FCSH)

Rosa Cabecinhas (CECS – UM)

 

Comissão Científica

Ana Balona de Oliveira (IHA-FCSH-NOVA)

Iolanda Évora (CEsA/CSG, ISEG)

Julia Alves Brasil (Universidade do Espírito Santo, Brasil)

Lilia Abadia (Universidade Católica de Brasília, Brasil)

Manuel Antunes da Cunha (Universidade Católica de Braga)

Maria do Carmo Piçarra (Nova FCSH) 

Otávio Raposo (CIES, ISCTE-IUL)